Inconformundo

O mundo dos inconformados

Palavra Inexistente

Por Thales Mequi (@thalesmequi)

Relacionar-se não é somente estar comprometido, mas agir com devido respeito para com o próximo. Não é necessário citar aqui, minha visão sobre vale-night e adjacentes, isso já foi citado em posts anteriores. Mas me pergunto qual o sentido de se comprometer, se não há cumprimento disso no final das contas? Excluindo exceções do contexto, não há sentido tirar a exclusividade de um relacionamento, pois assim deixaria de sê-lo.

Em contrapartida, existem casais que concordam mutuamente em não ter exclusividade, e infelizmente estão se enganando, pois o convívio gera intimidade, que no decorrer causa ciúmes no campo amoroso, sem extremismo, mas sempre atinge.

Posso estar muito atrasado, às vezes o ‘relacionamento’ está seguindo a Teoria Evolucionista de Darwin, e está sendo selecionado pelo âmbito atual. Se isso for verdade, então aí está uma prova de que as coisas nem sempre evoluem pra melhor, e o ambiente nem sempre escolhe os melhores.

Relacionamento (dicionarioweb.com.br): s. m. Ato ou efeito de relacionar. Amizade, intimidade: travar relacionamento com alguém.

Segundo as atuais definições da maioria, acredito que esse ‘travar’ esteja equivocado.

Segundo as atuais definições do bom senso, a maioria é bestial.

Relacionamento (definição da maioria): Palavra inexistente. Você quis dizer: promiscuidade exacerbada?

Não, eu não quis dizer isso. Na verdade, acho que pra tudo hoje em dia haverá um ‘Você quis dizer’. Não porque as coisas estejam mudando de sentido, mas porque hoje em dia a liberdade de expressão é muito grande. Antigamente os pensares não eram diferentes, mas o medo de ser julgado perante a sociedade era maior, ou seja, as pessoas evitavam atitudes ‘imorais’ para não serem excluídas ou marginalizadas. E a tal ‘moralidade’ era imposta por diversos fatores como cultura, religião, etc.

Para encerrar, você que desrespeita seu parceiro(a), não age com prudência e se engana, saiba que embaixo da rua há esgoto, e embaixo do esgoto há restos mortais, e embaixo disso ainda… Ora, lá está você.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: